sexta-feira, 21 de agosto de 2009

Uma Criança Com Seu Olhar


Aqui estou na difícil missão de levar a você
Uma mensagem que possa ser
Como uma luz ou um mantra, nós não somos mais crianças
Um dia acontece, a gente tem que crescer

Temos que encarar a responsa
Eu não deixei de achar graça nas coisas
Simplesmente hoje eu quero ser levado a sério
As coisas mudam sempre mas a vida não é só como eu espero

Existe um dom natural que todos temos
Nossas escolhas vão dizer pra onde iremos
Mas se for pra falar de algo bom
Eu sempre vou lembrar de você

Difícil não lembrar do que nunca se esqueceu
Fácil perceber que seu amor é meu
Difícil não lembrar do que nunca esqueceu
Fácil perceber que meu amor é seu

Eu quero estar amanhã ao seu lado quando você acordar
Eu quero estar amanhã sossegado e continuar a te amar
Eu quero um sonho realizado,
Uma criança com seu olhar
Eu quero estar sempre ao seu lado, você me traz paz

Armadilhas do tempo são como o vento
Levando as folhas para lugares distantes,
O meu pensamento é o mesmo que o seu
Mas hoje meu coração bate mais forte que antes


Certa vez na história,
Eu vim de muito longe só pra ver você,
Fui pra muito longe pra encontrar você,
Eu te entreguei minha alma.


Vanessa Da Mata
Composição: Chorão







Música interpretada pela linda Vanessa da Mata, que a gravou durante o estúdio coca-cola, nem preciso falar muito dela, canta como um anjo e é linda como uma deusa, casaria com ela, se ela me desse bola e se meu coração estivesse vazio, é claro, rs...


Composição de Chorão, diga-se de passagem, um ótimo compositor, com letras fortes e de responsa, ele sempre consegue passar mensagens bem bacanas.

Baci nel cuore

Gisa Lima

sábado, 15 de agosto de 2009

Campanha Insanamente Lúcidas



A postagem MÁSCARA ANTI-HOMOFOBIA do blog Insanamente Lúcida da querida Luh foi alvo, juntamente com o blog SuperDosagem, de ataques por parte de um cretino, mal amado, filho de uma chocadeira e "otras cositas más" que prefiro nem comentar aqui em respeito às leitoras. Por isso estou deixando aqui minha solidariedade à essas mulheres de caráter que não têm medo de expor suas opiniões e nem de defender seus ideais.

Afinal o que essa droga de sociedade pretende?!

Disseminar atos preconceituosos e discriminatórios, enquanto quem é agredido moralmente tem que fica quieto?!

Eu me recuso a baixar a cabeça pra esses cretinos provincianos.

E tenho dito!!!
¬¬

Gisa Lima

quarta-feira, 5 de agosto de 2009

Indignação (Parte II)



O que estão fazendo uns aos outros?


É isso mesmo, como não bastasse o que o homem faz com a natureza e com a Terra onde vive, ele se dá ao desplante de fazer pior com seu semelhante, não falo só de questões físicas, mas de questões morais e psicológicas também.



A DESUMANIDADE é tanta, e por coisas tão banais, qualquer coisa é motivo para que as pessoas cometam as mais cruéis atrocidades, se julgam donos da verdade e com isso se acham no direito de matar ou violentar em nome de uma religião que não os ensinaram a amar, baseados em um preconceito com o qual não aprenderam a conceituar o RESPEITO À
DIVERSIDADE,
levados por um racismo adquirido por uma cultura arcaica ou mesmo por pura maldade.



Eu fico puta (me perdoem pelo termo), puta mesmo, da vida e mega indignada com isso, por este motivo estou a compartilhar mais essa minha INDIGNAÇÃO.

Isso me faz pensar em algo que escutei certa vez.
“Quanto mais conheço os homens, mais prefiro os animais.”



Então, tomada por uma súbita empolgação, li mais uma vez “O Pequeno Príncipe”. Confesso que já perdi a conta de quantas vezes o li, mas sempre aprendo algo novo a cada leitura, algo que havia me escapado na leitura anterior.

- O que isso tudo tem a ver com tema de hoje? - você me pergunta.

- Como assim? - eu digo - Tem tudo a ver, pois esse livro nos mostra valores que a muito tempo foram esquecido pelos homens, valores que nem são mais ensinados.

Pois bem, vou dar minha opinião sobre algo que li, nesse livro, e que me deixou horas pensando à respeito.

Nossa! Isso me tirou mesmo o sono, fiquei pensando na profundidade dessa frase e me dei conta de como as pessoas , além de crueis, são superficiais e isso não é de hoje, afinal esse livro foi escrito em 1940 por Antoine de Saint-Exupéry e desde então as pessoas vem sendo alertadas sobre estarem perdendo valores essenciais sendo tão superficiais.

Eis a prova e a tal frase da qual falei.
“Só se vê bem com o coração. O essencial é invisível aos olhos.”



Muitos lêem essa frase e não vêem nada demais.

- É uma simples frase. - diriam.

- Não é uma simples frase! - lhes digo.

É um dos maiores valores que se pode adquirir ao longo da vida. A prova cabal de que temos que ver o melhor que há em cada pessoa, seus valores pessoais, seu caráter, a doçura em seu coração, seu respeito e amor diante da vida e não seus cartões de crédito, a quantidade de dígitos em suas contas bancárias, quantos carros possue, o quão grande e cara é sua casa ou seus outros bens materias, porque tudo isso acaba, tudo o que se leva são as lembranças e o mais importante que se deixa são os valores morais, pois o essencial é realmente invisível aos olhos e o melhor só pode ser visto com coração, afinal não se pode ver o quão especial é uma pessoa até que ela esteja em seu coração.

Por isso é que eu digo:
"Felizes são as crianças, pois elas conseguem ver além do que está diante do olhos".

E tenho dito!!!
¬¬

Gisa Lima


Imagens: Web

"pelo poder da verdade, eu, enquanto vivo, conquistei o universo"

Related Posts with Thumbnails

GREENPEACE